Novela Gênesis: quando o Faraó vai descobrir quem matou Amarílis

Confira o que vai acontecer na próxima semana da novela.

Nos últimos capítulos da novela Gênesis o público acompanhou o drama do Faraó Sheshi com o envenenamento da irmã, o soberano ainda não sabe quem assassinou a personagem de Marianna Alexandre e até a esposa do rei foi acusada de cometer o crime. Veja quando esse mistério vai ser solucionado e quem matou Amarílis!

Que dia o Faraó vai descobrir responsável pelo envenenamento?

A previsão é que a cena em que o rei descobre quem matou Amarílis em Gênesis vá ao ar na segunda-feira, dia 27 de setembro, de acordo com o Notícias da TV. No resumo dos próximos capítulos, cedido pela própria emissora, não há a nada sobre a resolução do assassinato, mas é possível avaliar que a revelação não passará do capítulo de terça-feira (28), pois a partir deste dia a história terá um salto no tempo.

Não há a indicação no resumo de quantos anos se passarão na trama.

Quem matou Amarílis na novela Gênesis?

A Record TV não fez nenhuma afirmação até agora, mas o Notícias da TV disse ter tido acesso a algumas cenas da novela e divulgou que a culpa é do padeiro do Faraó. Após as acusações contra Kamesha, esposa do soberano, Potifar (Val Perré) vai informar ao rei que concluiu sua investigação.

“Sinto muito, soberano. Eu fiz uma extensa investigação, mas a conclusão é a que eu já suspeitava. O erro foi do padeiro. Ele serviu um vinho medicinal no lugar do vinho normal e, infelizmente, a sua irmã bebeu”, vai dizer o general.

Sheshi ficará furioso ao descobrir quem matou Amarílis e vai atirar uma taça na parede: “então não foi um atentado contra minha vida? Então Amarílis teve que pagar pela estupidez de um servo?”. Em seguida, o Faraó dirá que o padeiro merecia um fim pior que a forca.

Padeiro do faraó
Erro do padeiro foi fatal – foto: tv record/reprodução

 

Leia também – Confira como foi a nossa entrevista com a atriz Marianna Alexandre

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.