Quem ficou com o bebê na novela Barriga de Aluguel?

Clara e Ana disputam guarda da criança na justiça

A novela Barriga de Aluguel (1990) gira em torno da história do casal Ana (Cassia Kis) e Zeca (Victor Fasano), que sonham em ter um filho, mas não conseguem. Ambos contratam Clara (Cláudia Abreu) para gerar a criança, mas a jovem se envolve com o rapaz e passa a disputar a guarda do menino com a mãe adotiva. Quem ficou com o bebê só é mostrado nos capítulos finais.

Quem fica com o bebê no final da novela Barriga de Aluguel?

Ana e Clara levam a disputa para decidir quem fica com o bebê para os tribunais depois de travarem uma briga pela criança. Mas Clara é uma moça pobre que aceita ser a barriga de aluguel do casal pois vê a oportunidade como uma chance de mudar de vida. Porém, a decisão lhe custa seu namoro com João (Humberto Martins), além dela ser expulsa de casa pelo pai Ezequiel (Leonardo Villar).

A relação entre Ana e Clara se complica ao longo da novela. A barriga de aluguel começa a se apegar a criança que cresce em seu ventre e ainda se evolve com Zeca, pai do filho que espera.

Quando o bebê nasce, Clara decide que quer ficar com a criança. Ana obviamente não aceita, e ambas partem para os tribunais.

O processo ocorre em três instâncias. Na primeira, quem ganha a guarda do bebê é Clara; Ana recorre a decisão, e o Superior Tribunal de Justiça reconhece que ela é a mãe biológica, lhe dando a vitória na segunda instância.

O terceiro julgamento é marcado, mas a trama não deixa explícito quem ficou com o bebê na novela Barriga de Aluguel. O folhetim não mostra o veredito do juiz - a última cena da trama mostra Ana e Clara, ambas de mãos dadas com o filho, dispostas a criarem a criança juntas.

Quem ficou com o bebe em barriga de aluguel
Clara (cláudia abreu) e ana (cássia kis) ficam com o bebê - foto: reprodução/globoplay

 

Veja: Danilo e Olga se casam ou não em Chocolate com Pimenta?

Em que ano passou a novela Barriga de Aluguel na Rede Globo?

Barriga de Aluguel foi exibida originalmente entre agosto de 1990 e março de 1991, no horário das 18h. A trama é considerada bastante a frente do seu tempo por falar sobre inseminação artificial na época em que foi escrita.

De autoria de Gloria Perez, o folhetim teve 243 capítulos. Ganhou uma única reprise no Vale a Pena Ver de Novo em 1993, e retornou ao canal Viva apenas em 2011.

A ideia original surgiu em 1985, mas foi considerada maluquice pela emissora, de acordo com o portal Teledramaturgia. Glória deixou a Globo nos anos seguintes, após ficar magoada com a má recepção de sua história, e retornou apenas em 1990 para enfim colocar o folhetim no ar, que fez sucesso em meio ao tema que começava ser mais difundido no início da década.

Barriga de Aluguel marcou 36,71 pontos de média, número maior que sua antecessora Gente Fina (34.77) e sua sucessora Salomé (31.38).

Além dos três protagonistas, o folhetim também contou com os atores Eri Johnson, Humberto Martins, Jairo Mattos, Sônia Guedes, Vera Holtz, Leonardo Villar, Sura Berditchevsky, Denise Fraga, Tácito Rocha, Wolf Maya e mais.

Veja: Que dia começa Mulheres Apaixonadas no Vale a Pena Ver de Novo em 2023

Onde assistir a novela?

O folhetim está disponível no Globoplay desde 8 de maio. A trama chegou à plataforma de streaming depois de mais de 30 anos de sua exibição original.

É necessário ser assinante de um dos planos pagos para ter acesso aos capítulos. A plataforma aceita pagamentos com cartões de crédito ou carteiras digitais. Concluída a assinatura, basta procurar pelo título no campo de busca.

Todos os 243 capítulos já estão disponíveis na plataforma, cada um com cerca de 45 minutos.

 

 

 

 

 

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes