Reparador de pontas: qual é a melhor opção para cada tipo de cabelo?

Creme para pentear, óleo ou leave-in? Descubra qual produto se encaixa melhor na sua rotina de beleza e acerte de vez no cuidado dos fios.

Sai estação, entra estação, e um novo ingrediente da moda aparece para convencer a todos que ele é o melhor reparador de pontas do mundo. A essa altura, você já deve ter notado que isso não é sempre verdade.

O fato é que não existe ingrediente perfeito. Cada cabelo possui uma necessidade. Logo, é importante analisar como andam os seus fios, para investir no produto ideal. Vamos começar a nossa jornada de autocuidado?

Confira na sequência como não errar mais no reparador de pontas e aprenda a comprar o produto que tem mais a ver com o seu estilo:

 

os melhores reparadores de pontas
Imagem: Sidney Harper (Reprodução / Instagram)

 

- CONTINUE DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Para que serve o reparador de pontas?

Primeiramente, reparador de pontas é essencial para a saúde dos fios. Isso porque ele é o responsável por selar as madeixas rebeldes e ressecadas, melhorando a aparência do cabelo.

Existem diversas opções de reparador de pontas disponíveis no mercado. Creme de pentear, óleo capilar e leave-in são, por exemplo, linhas de cuidado capilar que cumprem essa função.

Apesar de promoverem o mesmo resultado, esses produtos possuem texturas diferentes e tratam o cabelo de maneiras alternativas. Por isso, vale conferir como cada um age para eleger a fórmula que mais combina com você.

 

Creme de pentear

É um dos produtos mais conhecidos na hora dos cuidados capilares e essa popularidade não é em vão.

O creme de pentear pode ser utilizado em cabelos secos e molhados. Além disso, ele está na prateleira da farmácia em diversas opções. Na hora de escolher, aposte em ingredientes que fortalecem o fio, pois essas substâncias que irão atuar na reparação das pontas.

Ceramidas, queratinas e óleos vegetais na fórmula atuam como reparador de pontas e garantem o aspecto de cabelo arrumado.

Ademais, na hora da aplicação, coloque o creme de pentear aos poucos para não deixar o cabelo oleoso. O produto pode ser utilizado em todo o comprimento do fio, menos na raiz.

Para quem vai fazer escova, vale passar um finalizador depois do creme, para proteger as madeixas do calor.

 

Protetor térmico e reparador de pontas.
Imagem: Reprodução / Pexels

Óleo capilar para reparar as pontas

Em seguida, o óleo capilar. O produto se destaca por ser o mais natural da lista, e também por deixar o cabelo leve e com movimento.

Além disso, para quem é entusiasta da aromaterapia, esse reparador de pontas é a melhor opção. Isso porque o óleo vegetal é uma ótima base para o óleo essencial, diluindo-o e conduzindo seus benefícios para os fios e o couro cabeludo.

Entre as opções mais conhecidas de óleo capilar estão os de coco, amêndoas e argan.

O modo de uso é simples. Utilize o óleo depois do banho, como desembaraçador, ou no decorrer do dia. Aplique algumas gotinhas do reparador de pontas no dedo e depois massageie o fio. Note que seu cabelo ficará cheiroso e hidratado por muito mais tempo.

Por último, uma dica para as cacheadas. O óleo vegetal pode ser utilizado no pré-poo. A sugestão de uso é aplicar o produto no cabelo e deixá-lo agir por cinco minutos. Em seguida, enxague com o shampoo e siga sua rotina de costume.

 

Cabelo cacheado hidratado com creme.
Imagem: Reprodução / Pexels

Leave-in como reparador de pontas

Para concluir a lista de reparadores de pontas poderosos e fáceis de encontrar, o leave-in. Essa opção ganha destaque graças à  variedade de texturas.

Você encontra o produto em spray, sérum, creme e mousse. Na hora de eleger o preferido, analise o tipo de cabelo. Os ressacados nas pontas se beneficiarão das mousses, enquanto os finos se dão bem com o spray. Já os normais, por sua vez, casam com o leave-in em creme.

Outra funcionalidade interessante desse reparador de pontas é a proteção térmica. O produto nessa versão protege o fio do calor. Ou seja, é ideal para os cuidados que antecedem a escova ou a chapinha.

Por fim, aplique o leave-in com o cabelo molhado ou seco. Se for depois do banho, não esqueça de tirar um pouco da água dos fios antes de passar o creme.

A maneira correta de fazer isso é pressionando a toalha sobre as madeixas. Faça movimentos de apertar e soltar. Nunca esfregue o tecido no cabelo, pois isso quebra os fios e causa pontas duplas.

 

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes