Como saber se já estou inscrito no CadÚnico?

Criado pelo Governo Federal, o Cadastro Único reúne os dados das famílias brasileiras de baixa renda

O Cadastro Único (CadÚnico) garante às famílias de baixa renda o acesso a vários programas sociais. Diante disso, muitas pessoas querem saber como saber se já estou inscrito no CadÚnico para ter direito de receber os benefícios que são oferecidos pelo governo federal. 

Essa tem sido uma das principais dúvidas devido à possibilidade de ser pago a partir de novembro o Auxílio Brasil – novo programa do governo federal para as pessoas consideradas vulneráveis financeiramente. Além disso, em 2021 estão disponíveis mais de 20 programas para quem possui a inscrição, como por exemplo, o Bolsa Família, a Tarifa Social de Energia Elétrica. Então, confira a seguir como fazer a consulta do seu cadastro. 

Como saber se estou no CadÚnico pela internet?

O governo federal disponibiliza três plataformas para quem tem interesse em saber se já estou inscrito no CadÚnico. Duas delas podem ser acessadas pela internet da seguinte forma: 

  • Site Consulta Cidadão – Cadastro Único: através do endereço www.mds.gov.br/consultacidadao;
  • Aplicativo Meu CadÚnico: é necessário instalar o app em seu celular; 

CadÚnico

Mas independente da plataforma escolhida, tenha em mãos seus dados pessoais e siga os seguintes passos: 

>> acesse a plataforma (pelo celular ou computador);

>> informe seu nome completo; 

>> registre sua data de nascimento;

>> diga qual é o nome da sua mãe; 

>> informe seu estado e município;

>> clique no botão “não sou robô”

>> aparecerá uma pequena tela complementar, então, siga as instruções contidas no texto e marque as imagens; 

>> clique em “emitir certidão”;

Depois desse procedimento, podem acontecer duas situações. Se você tiver inscrição no CadÚnico será encaminhado para outra página onde terá acesso aos seus dados cadastrais como o Número de Identificação Social (NIS), o nome, o sexo, a data de nascimento, o nome da mãe, e o município e a Unidade da Federação (UF) de cadastramento da pessoa que fez a consulta.

Cadastro Único

Assim, poderá verificar se o CadÚnico está atualizado o que permite gerar um comprovante de cadastramento para impressão. Mas se você fez todo o procedimento para saber se já estou inscrito no CadÚnico e os seus dados não foram localizados pelo sistema, aparecerá uma mensagem informando que  as suas informações estão diferentes do cadastro.

Isso pode acontecer devido à algum erro na digitação, então, certifique-se que as informações registradas no acesso estão iguais aos dados registrados no Cadastro Único. Além disso, as pessoas que fizeram a inscrição há menos de 45 dias da consulta também não vão ser localizadas. Neste caso os dados ainda serão registrados ou atualizados na plataforma. Mas se os seus dados estiverem corretos e não solicitou atualização, é possível que você não tenha o CadÚnico. 

Como saber se estou no CadÚnico por telefone?

A terceira opção para saber se já estou inscrito no CadÚnico é verificar o cadastro ligando para o telefone 0800 707 2003. O contado pode ser feito de segunda à sexta-feira no horário das 7h às 19h. Também é possível fazer a consulta aos finais de semana, das 10h às 16h.

A ligação é gratuita, basta informar selecionar em seu telefone a opção número 5 e seguir as instruções. Será solicitado seus dados pessoais para que seja feita a verificação do cadastro. Caso não seja encontrado nenhum dado, será necessário fazer a inscrição no município onde reside.

RELACIONADO | CadÚnico 2021: saiba como atualizar para receber o Auxílio Brasil

Quem tem direito a se inscrever no Cadastro Único?

Como o CadÚnico é voltado àqueles que cumprem os requisitos que foram estabelecidos pelo governo federal. O principal deles está relacionado ao limite de renda, pois essa inscrição é voltada às famílias de baixa renda. Então, para ter direito de se inscrever no CadÚnico os membros da famílias devem receber até meio salário mínimo R$ 550.

Diante disso, a soma da renda familiar mensal pode chegar à três salários, ou seja, para a inscrição é permitido ter renda total de R$ 3.300,00 mensal. Mas atenção: para fazer o cadastro é necessário ter a idade mínima de 16 anos e de preferência ser uma mulher. Também podem se inscrever as pessoas que estão em situação de rua.

LEIA TAMBÉM | 10 benefícios do governo para pessoas de baixa renda pagos em 2021

Não tenho o cadastro, como se inscrever no Cadastro Único?

Agora que você descobriu como saber se já estou inscrito no CadÚnico e conferiu que ainda não possui cadastro, é hora de se registrar para aproveitar todos os benefícios dos programas oferecidos pelo governo federal. É bom lembrar que o Cadastro Único não pode ser realizado pela internet, portanto, é preciso procurar  o CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) do seu município para se inscrever.

Durante a pandemia, algumas prefeituras têm exigido que o cidadão faça o agendamento da entrevista. Na ocasião deve ser apresentada a seguinte documentação:

  • CPF;
  • Título de Eleitor;
  • Registro Administrativo de Nascimento Indígena para família indígena;
  • comprovante de residência;
  • carteira de trabalho;

Para responsáveis por família quilombola ou indígena também é aceito a apresentação de documentos de identificação, como Certidão de Casamento, RG e Carteira de TrabalhoEsses documentos também são necessários em caso de atualizações. Devido à pandemia, alguns municípios também tem realizado esse procedimento por telefone ou e-mail, conforme autoriza a Portaria nº 368/2020.

Sendo assim, durante o atendimento a família deve informar todos os dados necessários para preenchimento dos formulários, ficando dispensada de apresentar a documentação. Mas para saber se esse procedimento está liberado em sua cidade, a orientação é entrar em contato com a prefeitura. 

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes