Saque Emergencial do FGTS acaba em dois meses; confira prazos

O saque emergencial do FGTS pode ocorrer até 31 de dezembro. A medida provisória nº 946/2020, prevê o saque de R$ 1.045 para trabalhadores. O trabalhador recebe o pagamento conforme o mês de aniversário, mas deve solicitar o recurso pelo app FGTS ou CaixaTem.

Contudo, o último pagamento do FGTS emergencial é no dia 14 de novembro, para nascidos de novembro e dezembro. Trabalhadores que fizeram aniversário nos meses anteriores já tiveram o valor disponível para saque.

 

Quem tem direito ao Saque Emergencial do FGTS?

O saque emergencial do FGTS é um direito para trabalhadores que possuam saldo no FGTS. Sendo assim, o valor de R$ 1.045 pode ser retirado de contas ativas ou inativas.

Sendo assim, o trabalhador que queria receber o benefício precisa solicitar o FGTS Emergencial nas plataformas digitais da Caixa Econômica Federal, aplicativo FGTS ou aplicativo CaixaTem.

Dessa forma, o valor fica disponível até 31 de dezembro de 2020 para qualquer movimentação financeira, como por exemplo saques e transferências. Além disso, pagamentos de boletos e contas de água, luz por meio do Caixa Poupança Social Digital.

Por fim, é importante lembrar que o saque emergencial do FGTS é uma medida exclusiva para o ano de 2020, para injetar recursos na economia para conter a crise.

Quais são os documentos necessários?

Os documentos necessários para efetuar o saque emergencial do FGTS são:

  • CPF;
  • Documento de identidade, como o RG;
  • Cartão do Cidadão;
  • Carteira de Trabalho;
  • Número do PIS/Pasep do trabalhador ou NIS/NIT.

 

Calendário do Saque Emergencial do FGTS

O pagamento do saque emergencial do FGTS acontece pelo mês de aniversário do trabalhador. Sendo assim, o último lote de pagamentos será em 14 de novembro para quem solicitou o benefício.

Mas também, quem solicitou o saque do FGTS, recebeu o crédito na Conta Poupança Social Digital, mas não movimentou, tem até o dia 30 de novembro para realizar saque ou transferências. Isso porque, após a data, o valor de R$ 1.045 deve voltar a conta do FGTS do trabalhador, sem descontos.

Confira o calendário de saque ou transferência, de acordo com o mês de nascimento:

  • Janeiro – a partir de 25 de julho de 2020
  • Fevereiro – 8 de agosto
  • Março – 22 de agosto
  • Abril – 09 de setembro
  • Maio – 19 de setembro
  • Junho – 03 de outubro
  • Julho –  17 de outubro
  • Agosto –  17 de outubro
  • Setembro – 31 de outubro
  • Outubro – 31 de outubro
  • Novembro – 14 de novembro
  • Dezembro – 14 de novembro

Leia também

 

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.