Carlos Bolsonaro abre queixa-crime contra Felipe Neto e Marquezine

O vereador do Republicanos e filho do presidente, afirmou que os artistas serão acusados por calúnia por falarem mal do seu pai, Jair Bolsonaro. Em resposta, o youtuber Felipe Neto afirmou que não tem medo de Carlos Bolsonaro e que exposição de Marquezine é “rasteira e vergonhosa”.

Nesta quinta-feira, 11 de março, o vereador Carlos Bolsonaro (Republicanos) afirmou em suas redes sociais que irá entrar com um processo de queixa-crime contra Felipe Neto e a atriz Bruna Marquezine.  A informação foi publicada no próprio perfil do filho 02 do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Segundo ele, foram encaminhadas à Justiça processos contra Marquezine e Felipe Neto por “supostos crimes contra o então presidente Jair Bolsonaro”. Sem destacar quais foram os comentários feitos pelos artistas, Carlos fez questão de citar o Código Penal que prevê o crime de calúnia.

Logo em seguida, o vereador escreveu que “faz o que pode sozinho há bastante tempo”, e apesar de “muitos só cobrarem”, é muito difícil estar em sua posição. Na imagem publicada por Carlos Bolsonaro, aparece uma foto sensual de Bruna Marquezine, captura de um dos seus trabalhos na Globo. Confira abaixo:

Felipe Neto diz que não tem medo de Carlos Bolsonaro

Na imagem o youtuber Felipe Neto
(Foto: Instagram/ Reprodução)

Felipe Neto, através do seu perfil, rebateu a mensagem de Carlos Bolsonaro, por quem chamou de “Carluxo”, e criticou a foto escolhida em que Marquezine aparece atuando. “Esse é o nível dessa gente”, escreveu o Youtuber. Já no Instagram, Felipe Neto completou dizendo que o filho de Jair Bolsonaro deu à Bruna Marquezine uma “conotação sexual de maneira rasteira e vergonhosa”.

Enquanto à acusação, o influenciador digital divulgou seu recado a Carlos Bolsonaro publicamente no post feito no Instagram. Confira a seguir: “Eu enfrento essa articulação do ódio ha muito tempo. Você não me amedronta. Não é só a razão que está ao meu lado, mas também mais de 41 milhões de pessoas. Estamos prontos todo o tipo de covardia do lado de vocês e não vamos nos calar em função dessas tentativas nojentas de silenciosamente”, escreveu.

Já a atriz Bruna Marquezine não se manifestou sobre a acusação até o momento.

Carlos Bolsonaro xinga colegas da Câmara

Além da polêmica, envolvendo o nome de Marquezine e Felipe Neto, o vereador Carlos Bolsonaro se envolveu em um escândalo durante uma sessão da Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro. Tudo aconteceu durante a votação do projeto de lei envolvendo o Dia de Combate à Violência contra a Mulher.

Carlos Bolsonaro chamou os colegas de “canalhas” e se revoltou durante sua fala. “Infelizmente só tem canalhas aqui dentro dessa Casa, que levam para uma linha política em vez de tentar sempre levar para uma linha de melhoria da sociedade carioca e do Brasil. Então deixo aqui meu voto de aplausos [ao projeto de lei] e de repúdio a esses canalhas de sempre e ele sabe muito bem do que eu to falando aí”, concluiu. Rapidamente, Carlos teve seu microfone cortado

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes