Covid-19: Veja quais cidades entraram lockdown no Brasil

Um panorama das cidades que adotaram medidas mais restritivas contra a pandemia da Covid-19 no país. Até o momento, apenas sete estão em lockdown, que proíbe a circulação de pessoas, carros e transportes públicos.

A alta no número de casos, mortes e internações provocadas pela Covid-19, em paralelo à nova variante da doença, assola o Brasil. De acordo com consórcio de veículos de imprensa, o país atingiu o 33º dia consecutivo de mais de mil óbitos causadas pelo coronavírus nesta segunda-feira (22/03). Com isso, milhares de cidades entraram em lockdown e medidas mais restritivas.

Em todo o território nacional, já são 12 estados que apresentam aceleração no total de mortes, de acordo com o portal UOL. Outros 11 estados e o Distrito Federal, estão estabilizados. Outros quatro registram quedas em suas curvas. O cenário tem preocupado governadores e prefeitos brasileiros, que passam a cogitar ordens de contingência mais rígidas.

Quais são as cidades em lockdown?

A nova variante do coronavírus detectada em Manaus, Amazonas, já foi encontrada em outras regiões do Brasil. São Paulo, Rio de Janeiro, São José dos Campos e Jacareí são cidades que já registraram também a mutação da Covid-19. Atualmente, grande parte do interior paulista está em estado de alerta. Confira abaixo as cidades com lockdown:

Araraquara (SP) – A prefeitura do município decretou fechamento de todas as atividades não essenciais por 60 horas. A medida vale até a meia-noite desta terça-feira (23/02). Bancos, indústrias, supermercados, postos de combustíveis e todo comércio, e ainda os serviços públicos não podem funcionar, assim como carros e ônibus do transporte também não poderão circular.

Américo Brasiliense (SP) – Próxima à região de Araraquara, o município de 41.032 habitantes também decretou fechamento total por conta do avanço da Covid-19. Apenas farmácias e unidades de saúde hospitalares estão funcionando normalmente. Quem sair de casa precisa comprovar a necessidade. A circulação de carros e transporte público também está contida. A medida é válida até esta terça-feira.

Boa Esperança do Sul (SP) – O município com população de apenas 15.018 habitantes seguiu os mesmos passos de Araraquara e Américo Brasiliense. A prefeitura determinou lockdown. Apenas estabelecimentos de saúde funcionam sem restrição. A circulação na cidade é proibida.

Santa Lúcia (SP) – O município de Santa Lúcia, também próximo à Araraquara, decidiu por precaução adotar o lockdown na cidade, que conta com menos de dez mil habitantes. Segundo a prefeitura, a cidade registrou apenas cinco óbitos desde o início da pandemia do novo coronavírus.

Uberlândia (MG) – Desde o último sábado (20/02), serviços como supermercados, padarias e farmácias só podem funcionar em horários determinados pela prefeitura. No entanto, estão liberados restaurantes e lanchonetes nas proximidades de rodovias, apenas.

Ipameri (GO) – A prefeitura decretou lockdown por 8 dias. O município fica na região próxima à estrada de ferro, apontada como situação de calamidade segundo o mapa epidemiológico apresentado pela secretaria de Saúde goiana.

Palmeira (PR) – A Prefeitura de Palmeira, município do Paraná, publicou decreto nesta segunda (22) que determina lockdown apenas aos fins de semana. A nova medida vale a partir das 18h de sexta-feira até às 5h de segunda-feira. Todos os serviços não essenciais não poderão funcionar.

Toque de recolher em João Pessoa

Apesar da cidade de João Pessoa, na Paraíba, não ter adotado lockdown, o governo do estado anunciou toque de recolher e fechamento da orla a partir já desta terça-feira (23/02). O governador João Azevedo e o o prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, se reuniram para tomar a decisão.

Segundo informou o G1, o novo decreto vai valer para todo o estado nos próximos 15 dias, pelo menos. A fiscalização vai contar com o apoio das forças de segurança do estado. Com isso, o governo espera reduzir a mobilidade urbana e assim diminuir as chances de um colapso no sistema de saúde

Cidades em bandeira preta no Rio Grande do Sul

O governo do estado do Rio Grande do Sul determinou que 11 cidades entrassem para a bandeira preta, nível de restrição mais alto, até o dia 1º de março. O decreto foi publicado no Diário Oficial do último sábado (20/02). As atividades entre 22h e 5h da manhã também estão suspensas em todo o  estado. No entanto, a medida não é o mesmo de lockdown. Confira abaixo:

  • Canoas
  • Capão da Canoa
  • Caxias do Sul
  • Erechim
  • Lajeado
  • Novo Hamburgo
  • Palmeira das Missões
  • Passo Fundo
  • Porto Alegre
  • Santa Cruz do Sul
  • Taquara

Fonte: Agência Brasil, Portal EBC (TV Brasil)

Leia também:

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes