Eleições 2020: Boulos e Russomanno empatam, segundo pesquisa da XP/Ibespe

Covas teve o menor índice de rejeição dentre os 13 candidatos a prefeito de São Paulo

Eleições 2020 – Nesta quinta-feira (5), a XP/Ipespe divulgou os resultados da pesquisa mais recente dos candidatos a prefeito de São Paulo nas eleições 2020. Os dados revelam a consolidação de Bruno Covas (PSDB) na liderança com 2%, seguido por Celso Russomanno do REPUBLICANOS (19%), Guilherme Boulos do PSOL (15%) e Márcio França do PSB (10%).

Em comparação a pesquisa anterior da XP/Ipespe, realizada dias atrás, todos os candidatos oscilaram, mas o republicano teve a queda mais brusca, de 3%. Se considerada a margem de erro de 3,5%, Boulos e Russomano estão, agora,  praticamente empatados.

Resultado da pesquisa dos candidatos a prefeito de SP

A pesquisa ouviu 800 eleitores, durante os dias 2 e 3 de novembro. Registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) como SP-00875/2020, a amostra tem margem de erro máximo de 3,5% para mais ou menos. Veja os resultados:

  • Bruno Covas (PSDB) – 26%
  • Celso Russomanno (Republicanos) – 19%
  • Guilherme Boulos (PSol) – 15%
  • Márcio França (PSB) – 10%
  • Jilmar Tatto (PT) – 4%
  • Arthur do Val (Patriota) – 4%
  • Joice Hasselmann (PSL) – 2%
  • Andrea Matarazzo (PSD) – 2%
  • Levy Fidelix (PRTB) – 1%
  • Marina Helou (Rede) – 0%
  • Orlando Silva (PCdoB) – 0%
  • Antônio Carlos Silva (PCO) – 0%
  • Vera Lúcia (PSTU) – 0%
  • Branco/nulo – 12%
  • Não sabe/não respondeu – 6%

Taxa de rejeição cresce

A mesma pesquisa revelou os percentuais de rejeição de cada candidato a prefeito de São Paulo. Levy Fidelix lidera com 74%, seguido de Joice Halssemann (PSL) com 67% e Celso Russomanno com 60%.

O grupo de eleitores que não votariam com certeza no republicano aumentou quatro percentuais. Guilherme Boulos também com uma alta taxa de rejeição, teve um aumento de 2%, e Covas seguiu com o menor índice dentre os candidatos, 40%.

Expectativa de vitória das eleições 2020

Os eleitores foram questionados sobre qual candidato iria ganhar, independente de suas preferências. Covas foi o candidato com mais expectativa, com 43%, seguido por Russomanno (19%), Boulos (8%) e França (7%).

A pesquisa ainda simulou seis cenários distintos para o 2º turno das eleições 2020, com base nas intenções de voto dos entrevistados para estes casos. Veja abaixo:

  1. Bruno Covas (PSDB) venceria Russomanno (REPUBLICANOS) por 49% a 32%;
  2. Bruno Covas (PSDB) venceria Guilherme Boulos (PSOL) por 50% a 28%;
  3. Bruno Covas (PSDB) venceria Márcio França (PSB) por 50% a 32%;
  4. Celso Russomanno (REPUBLICANOS) venceria Guilherme Boulos (PSOL) por 40% a 33%;
  5. Márcio França (PSB) venceria Celso Russomanno (REPUBLICANOS) por 39% a 37%;
  6. Márcio França (PSB) venceria Guilherme Boulos (PSOL) por 39% a 28%;

Veja também: conheça os candidatos a vice-prefeito em SP.

Você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.