Bolsonaro quer aumentar Bolsa Família para R$ 300 e já tem data

O Bolsa Família pode ter aumento acima de 50% em 2021, segundo o presidente Bolsonaro.

O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) surpreendeu sua equipe econômica ao anunciar na terça, dia 15 de junho, que o governo aumentará o Bolso Família em mais de 50%. Atualmente, o benefício tem valor médio de R$ 190 e é pago para mais de 14 milhões de pessoas.

Segundo apurou o Estadão/Broadcast, Bolsonaro afirmou que a nova cifra está “praticamente acertado”.

Quando será pago o novo Bolsa Família de Bolsonaro?

Pelas contas de Bolsonaro, o Bolsa Família vai chegar a média de R$300 a partir de dezembro de 2021, faltando menos de um ano para a eleição presidencial de 2022.

Conforme apurou o G1, assessores do ministro da Economia, Paulo Guedes, disseram que a pasta terá que promover cortes de gastos em outras áreas para elevar o valor do Bolsa Família anunciado por Bolsonaro. 

Com a aproximação das eleições, o Bolsa Família também deve transformado em um novo programa e  de nome e ganhar o nome de “Alimenta Brasil” ou “Renda Brasil”. A intenção da mudança é desviar a conexão do programa com o ex-presidente Lula – que é possível oponente a Bolsonaro nas urnas no ano que vem.

Mas o governo precisará correr contra o tempo para criar criar o programa, já que não é permitido novos auxílios sociais em ano eleitoral, salvo em casos de calamidade pública ou estado de emergência.

Auxílio Emergencial prorrogado

Bolsonaro aproveitou para confirmar que o Auxílio Emergencial será prorrogado em mais duas ou três parcelas de R$ 250.  Assim, espera-se que o benefício criado durante a pandemia do coronavírus seja estendido até dezembro deste ano. No cronograma atual, o auxílio termina em julho.

Paulo Guedes informou no dia 8 de junho, em evento virtual promovido por um banco, que cada mês de auxílio emergencial custa R$ 9 bilhões aos cofres públicos neste ano. A renovação do benefício por mais dois meses custaria R$ 18 bilhões.

Leia também: Quem tem direito ao pagamento retroativo do auxílio emergencial?

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceito Mais detalhes