Publicado em

O Brasil encerrou 2018 com uma necessidade de financiamento de R$ 58,1 bilhões. No ano anterior, a necessidade de financiamento tinha sido de R$ 47,2 bilhões. Os dados são das Contas Nacionais apuradas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou na manhã desta quinta-feira, 28, o desempenho do Produto Interno Bruto no ano passado. O PIB brasileiro registrou alta de 1,1% em 2018 ante o ano anterior.

O saldo externo de bens e serviços caiu de R$ 65,7 bilhões em 2017 para R$ 36,1 bilhões em 2018, uma redução de R$ 29,6 bilhões.

Já a renda líquida de propriedade enviada ao resto do mundo diminuiu de R$ 122,4 bilhões em 2017 para R$ 104,8 bilhões em 2018, o equivalente a R$ 17,6 bilhões a menos.

Revisões

O IBGE revisou o PIB do terceiro trimestre de 2018 ante o segundo trimestre, de 0,8% para 0,5%. O órgão também revisou a taxa do PIB do segundo trimestre de 2018 ante o primeiro trimestre do mesmo ano, de 0,2% para 0,0%.

A taxa do primeiro trimestre de 2018 ante o quarto trimestre de 2017 saiu de 0,2% para 0,4%. Já o resultado do quarto trimestre de 2017 ante o terceiro trimestre de 2017 passou de 0,2% para 0,3%.