Publicado em

SÃO PAULO - O dólar saltou ao maior patamar em oito meses nesta sexta-feira, superando a marca de 4,10 reais e acumulando a maior alta semanal desde agosto do ano passado, sob forte pressão das incertezas políticas locais e do exterior arisco.

O real teve o pior desempenho entre as principais moedas nesta sessão.

O dólar à vista subiu 1,62%, a 4,1019 reais na venda.

É o maior patamar desde 19 de setembro de 2018 (4,1242 reais).

Na máxima durante os negócios, a cotação bateu 4,1140 reais.

A valorização desta sexta-feira é a mais forte desde 24 de abril (1,63%).

Na semana, o dólar acumulou ganho de 4%, mais rali desde a semana terminada em 24 de agosto de 2018 (4,85%).