Publicado em

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quinta-feira que os EUA não estão sob pressão para fechar um acordo comercial com a China, um dia após seu principal assessor econômico ter dito que o governo convidou as autoridades chineses a reiniciar as negociações.

"Não estamos sob pressão para fazer um acordo com a China, eles estão sob pressão para fazer um acordo conosco. Nossos mercados estão em alta, enquanto os deles estão em colapso. Em breve estaremos recebendo bilhões em tarifas e produzindo produtos em casa", escreveu Trump em uma publicação em sua conta no Twitter.

 

 

(Por Susan Heavey )