Eleições 2020: como funciona o segundo turno?

Nas eleições deste ano, só poderá ocorrer um segundo turno de votações nos municípios com mais de 200 mil eleitores.

Eleições 2020 – A poucos dias do primeiro turno, os eleitores precisam estar por dentro de todas informações. Entretanto, em alguns lugares poderá acontecer uma nova votação para prefeito e vice. Mas como funciona o segundo turno das eleições municipais? O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) esclarece que essa condição é somente para cidades com mais de 200 mil eleitores. O segundo turno acontecerá dia 29 de novembro.

Essa regra está prevista nos artigos 28 e 29 da Constituição de 1988, determinando, além do limite mínimo de habitantes, que o “segundo turno poderá ocorrer apenas nas eleições para presidente e vice-presidente da República, governadores e vice-governadores dos estados e do Distrito Federal, e para prefeitos e vice-prefeitos.”

Irá para o segundo turno os dois candidatos a prefeito com maiores números de votos, caso nenhum deles tenha atingindo mais da metade dos votos válidos – excluindo brancos e nulos. Ou seja, o resultado é decidido pelo critério da maioria absoluta.

Veja também: a partir de qual idade o eleitor não precisa mais votar?

Municípios que podem ter segundo turno

Nas eleições de 2016 havia 92 municípios com mais de 200 mil eleitores. Este ano, mais três cidades alcançaram o número de habitantes mínimo. São elas: Ribeirão das Neves (MG), Paulista (PE) e Petrolina (PE). Sendo assim, nas eleições 2020, 95 municípios poderão ter um segundo turno para prefeito e vice-prefeito.

Veja quais municípios se encaixam na regra:

  • Rio Branco (AC) – 256.673 eleitores;
  • Maceió (AL) – 592.388 eleitores;
  • Manaus (AM) – 1.331.613 eleitores;
  • Macapá (AP) – 292.718 eleitores;
  • Feira de Santana (BA) – 400.549 eleitores;
  • Salvador (BA) – 1.897.098 eleitores;
  • Vitória da Conquista (BA) – 231.176 eleitores;
  • Caucaia (CE) – 222.128 eleitores;
  • Fortaleza (CE) – 1.821.382 eleitores;
  • Cariacica (ES) – 262.414 eleitores;
  • Serra (ES) – 327.670 eleitores;
  • Vila Velha (ES) – 315.224 eleitores;
  • Vitória (ES) – 251.464 eleitores;
  • Anápolis (GO) – 269.556 eleitores;
  • Aparecida de Goiânia (GO) – 308.749 eleitores;
  • Goiânia (GO) – 971.221 eleitores;
  • São Luís (MA) – 699.954 eleitores;
  • Belo Horizonte (MG) – 1.943.184 eleitores;
  • Betim (MG) – 274.502 eleitores;
  • Contagem (MG) – 427.575 eleitores;
  • Governador (MG) – 213.886 eleitores;
  • Juiz de Fora (MG) – 410.339 eleitores;
  • Montes Claros (MG) – 279.274 eleitores;
  • Ribeirão das Neves (MG) – 214.845 eleitores;
  • Uberaba (MG) – 225.412 eleitores;
  • Uberlândia (MG) – 486.550 eleitores;
  • Campo Grande (MS) – 612.487 eleitores;
  • Cuiabá (MT) – 378.097 eleitores;
  • Ananindeua (PA) – 330.014 eleitores;
  • Belém (PA) – 1.009.731 eleitores;
  • Santarém (PA) – 221.537 eleitores;
  • Campina Grande (PB) – 285.020 eleitores;
  • João Pessoa (PB) – 522.269 eleitores;
  • Caruaru (PE) – 225.164 eleitores;
  • Jaboatão dos Guararapes (PE) – 454.915 eleitores;
  • Olinda (PE) – 282.952 eleitores;
  • Paulista (PE) – 216.859 eleitores;
  • Petrolina (PE) – 210.359 eleitores;
  • Recife (PE) – 1.157.324 eleitores;
  • Teresina (PI) – 558.661 eleitores;
  • Cascavel (PR) – 223.090 eleitores;
  • Curitiba (PR) – 1.349.888 eleitores;
  • Londrina (PR) – 376.073 eleitores;
  • Maringá (PR) – 279.500 eleitores;
  • Ponta Grossa (PR) – 239.611 eleitores;
  • Belford Roxo (RJ) – 325.796 eleitores;
  • Campos dos Goytacazes (RJ) – 360.626 eleitores;
  • Duque de Caxias (RJ) – 658.000 eleitores;
  • Niterói (RJ) – 391.268 eleitores;
  • Nova Iguaçu (RJ) – 586.985 eleitores;
  • Petrópolis (RJ) – 240.152 eleitores;
  • Rio de Janeiro (RJ) – 4.851.887 eleitores;
  • São Gonçalo (RJ) – 663.833 eleitores;
  • São João de Meriti (RJ) – 376.989 eleitores;
  • Volta Redonda (RJ) – 222.991 eleitores;
  • Natal (RN) – 560.929 eleitores;
  • Porto Velho (RO) – 333.031 eleitores;
  • Boa Vista (RR) – 217.477 eleitores;
  • Canoas (RS) – 250.704 eleitores;
  • Caxias do Sul (RS) – 333.696 eleitores;
  • Pelotas (RS) – 240.948 eleitores;
  • Porto Alegre (RS) – 1.082.726 eleitores;
  • Santa Maria (RS) – 204.282 eleitores;
  • Blumenau (SC) – 247.014 eleitores;
  • Florianópolis (SC) – 357.049 eleitores;
  • Joinville (SC) – 403.526 eleitores;
  • Aracaju (SE) – 404.901 eleitores;
  • Barueri (SP) – 261.428 eleitores;
  • Bauru (SP) – 270.749 eleitores;
  • Campinas (SP) – 843.433 eleitores;
  • Carapicuíba (SP) – 291.138 eleitores;
  • Diadema (SP) – 329.171 eleitores;
  • França (SP) – 238.124 eleitores;
  • Guarujá (SP) – 224.819 eleitores;
  • Guarulhos (SP) – 872.880 eleitores;
  • Itaquaquecetuba (SP) – 239.226 eleitores;
  • Jundiaí (SP) – 314.875 eleitores;
  • Limeira (SP) – 226.627 eleitores;
  • Mauá (SP) – 306.518 eleitores;
  • Mogi das Cruzes (SP) – 319.826 eleitores;
  • Osasco (SP) – 567.361 eleitores;
  • Piracicaba (SP) – 290.998 eleitores;
  • Praia Grande (SP) – 226.260 eleitores;
  • Ribeirão Preto (SP) – 441.845 eleitores;
  • Santo André (SP) – 568.760 eleitores;
  • Santos (SP) – 341.867 eleitores;
  • São Bernardo do Campo (SP) – 620.181 eleitores;
  • São José do Rio Preto (SP) – 332.540 eleitores;
  • São José dos Campos (SP) – 540.501 eleitores;
  • São Paulos (SP) – 8.986.687 eleitores;
  • São Vicente (SP) – 252.146 eleitores;
  • Sorocaba (SP) – 485.962 eleitores;
  • Suzano (SP) – 217.959 eleitores;
  • Taboão da Serra (SP) – 217.479 eleitores;
  • Taubaté (SP) – 229.200 eleitores.

GUIA PARA O ELEITOR

Você pode gostar também
buy cialis online