Publicado em

O Já cotei , site de cotação de preços de diversos produtos (www.jacotei.com.br), inaugura hoje, no Shopping Center Light , em um espaço de 30 metros quadrados, sua primeira loja física. Segundo o diretor-proprietário, Antônio Coelho, até agora a empresa investiu cerca de R$ 1 milhão no projeto, desde o seu desenvolvimento até a abertura da loja, que pretende atender ao público das classes B, C e D. Com dois anos de existência, em 2002 o site aumentou suas vendas em cerca de 300%, na comparação com o ano anterior.A expectativa é de abrir, no sistema de franquias, aproximadamente 5 lojas físicas por mês, o que totaliza 40 novas lojas até o final do ano.Coelho ressalta que a abertura das outras lojas deverá ser padronizada e o custo gira em torno de R$ 10 a R$ 15 mil. Neste valor já está incluso a parte do mostruário, que expõe produtos que são comercializados nas lojas virtuais, como televisores e aparelhos de som. "A loja não precisa ser muito grande, basta ter dois computadores e alguns produtos como mostruário".De acordo com Coelho, o objetivo é abrir lojas físicas em cidades onde as pessoas não têm acesso ao últimos lançamentos e pouco acesso à Internet. "Enquanto as classes B, C e D não se digitalizam, decidimos materializar o comércio eletrônico", afirma. A idéia, segundo ele, é dar oportunidade aos que não têm acesso às vantagens que a compra on-line oferece.Na opinião de Coelho, a escolha para abertura da primeira loja, que ele chama de laboratório, não foi por acaso. "O centro da cidade é um bom termômetro para medirmos uma idéia como essa". Ele explica que abriu a loja duas vezes antes da inauguração para observar a curiosidade e o comportamento do público e se surpreendeu: "Algumas pessoas não têm idéia do nosso trabalho e muitas chegaram a perguntar se éramos empresa de consórcio", afirma.Os clientes que utilizarem os serviços da Já Cotei não pagarão para realizar a pesquisa de preços dos produtos nos dois computadores instalados na loja. Caso o consumidor adquira algum item em alguma das 600 lojas virtuais cadastradas, a empresa ganha uma percentagem em cima da venda, dependendo da loja em que ele comprou o produto. "Nosso sustento virá por meio das percentagens de vendas de algumas lojas", ressalta. Do total dos estabelecimentos cadastrados, 100 são parceiros, ou seja, quando a Já Cotei realiza uma venda, ganha uma percentagem, que varia entre 4% e 10%.Ele explica que a parceria não muda o objetivo da loja, que é o de orientar seus clientes a comprar com economia. "Mesmo que o produto de menor preço não esteja em uma de nossas parceiras, nosso papel é mostrar o menor preço. Diante da concorrência, acredito que muitas empresas devam baixar seus valores", explica.Diferente do que ocorre em lojas normais, onde os valores promocionais são colocados em evidência, a loja física Já Cotei vai expor a melhor promoção de um determinado item na Internet naquele dia. "Será uma maneira de chamar a atenção das pessoas", afirma.